Justiça do Rio libera vendas da Americanas.com

22/06/2011 10:01

A Justiça do Rio de Janeiro reconsiderou a decisão que impedia o portal de comércio eletrônico Americanas.com, do grupo B2W, de vender produtos no estado, mas manteve o bloqueio de R$ 860 mil, referentes a multas retroativas pela decisão tomada em fevereiro, que obrigava a empresa a normalizar todas as entregas atrasadas.

O processo foi impetrado em janeiro deste ano pelo promotor Julio Machado, da Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Consumidor e do Contribuinte do Rio de Janeiro, para resolver o problema dos atrasos nas entregas de produtos vendidos pelo site. A Americanas.com havia sido proibida de efetuar novos negócios no Rio até que as entregas em atraso sejam normalizadas.

Na ação, o MP ressalta a existência de milhares de reclamações de consumidores por causa de atrasos na entregas de compras feitas pelo site. Segundo o órgão, quando a ação foi proposta, em janeiro, estavam registradas 30,8 mil reclamações contra a empresa somente no site "Reclame Aqui".

Em despacho publicado hoje, a desembargadora Helda Lima Meirelles, da 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio reconheceu o pedido de reconsideração – agravo de instrumento –os advogados do portal eletrônico.

A empresa afirmou, através de nota, que os problemas de entrega ocorreram por um acúmulo de fatores que atingiram o varejo no fim de 2010, como o colapso do serviço de entrega de cargas dos Correios e a concentração em poucas empresas de transporte por todas as varejistas de e-commerce.

 

www.tiinside.com.br/21/06/2011/justica-do-rio-libera-vendas-da-americanascom/ti/228901/news.aspx

Fonte e créditos: TI Inside

Atenção: Grande parte do conteúdo divulgado no Blog é oriundo do trabalho realizado pelas Assessorias de imprensa, Marketing, Publicidade e outras áreas das companhias/instituições/associações e afins. Em respeito e direito aos trabalhos, ideias, conteúdos e idealizadores, todo o conteúdo recebido é divulgado na íntegra, ou seja, sem alterações. Em respeito ao desejo do autor e idealizadores, os conteúdos divulgados aqui podem ser excluídos. Para isso, é necessário a formalização do pedido com as informações necessárias de identificação, através do e-mail blogdocallcenter@uol.com.br  O mesmo vale para conteúdos que foram compartilhados de sites/Blog´s, onde sempre cito a fonte, concedo os créditos e divulgo o link de origem da extração da matéria. Caso o autor/idealizador discorde do compartilhamento aqui no Blog, basta formalizar sua solicitação com as informações necessárias, através do e-mail blogdocallcenter@uol.com.br  O Blog do Call Center também não possui nenhuma responsabilidade sobre a veracidade das informações, cabendo ao discordante, entrar em contato diretamente com o responsável pelo artigo/notícia, através do link informado na matéria/artigo/notícia.

Contato

Blog do Call Center São Paulo - SP - Brasil contato@blogdocallcenter.com.br